Animais

De dia trata da quinta, à noite veste a pele de Drag Queen. E dorme com 11 porcos

O agricultor-drag não os cria para a matança, trata-os como se fossem seus filhos. Mesmo quando está em personagem artística.
Fotografia via Bobby Kerns Productions.

Durante o dia-a-dia responde pelo seu nome próprio como todos nós. Mas, à noite, Brandon Hilton, 30 anos, veste a pele de Onya Mann e prepara-se para mais um espetáculo drag. Deixa os seus 11 porcos de estimação em casa, fecha os portões da quinta onde vive e assume a persona de Drag Queen num qualquer bar da Carolina do Sul, nos Estados Unidos da América.

Apesar da vida dupla, os seus filhos de quatro patas — assim os considera — reconhecem-no com ou sem peruca e maquilhagem. E em vez de viverem 24 horas por dia num curral, dormem todos com o dono em casa, regressado dos espetáculos noturnos que protagoniza.

“Eu vivo com 11 porcos na minha casa, em vários quartos. Destroem várias coisas, mas eu amo-os do fundo do coração e garanto que eles são os suínos mais felizes da cidade”, conta Brandon Hilton à revista nova-iorquina ‘New York Post‘. “Eles dormem mesmo comigo. Às vezes chegam a estar sete ao mesmo tempo na minha cama”, acrescenta o agricultor-drag.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por BRANDON HILTON (@brandonhilton)

Uma casa cor-de-rosa

Brandon não cria os porcos para a matança. “Considero-os meus filhos”, esclarece. E desde os dois primeiros que levou para casa — Pig Pig e Princess —, já acolheu 21 no seu lar ao longo dos anos.

À partida, são dois universos completamente opostos. E talvez seja mesmo por isso que se atraem. Realmente, é improvável alguém que privilegie tanto uma imagem cuidada ao mais ínfimo detalhe se sinta tão à vontade perto daquele que é, provavelmente, o animal que mais representa a sujidade. Ainda para mais acolhendo-o dentro de quatro paredes — por vezes demasiado perto dos vistosos vestidos.

“Uma vez, o Pig Pig no quarto onde guardo todos os vestidos e perucas. Vamos apenas dizer que isso foi um grande teste ao meu amor por ele”, recorda o performer que é, também, designer de roupa drag, cantor e ator. “Lidar com porcos em saltos-atos de 15 centímetros é um grande desafio”, conclui por fim.

Carregue na galeria e veja imagens de Brendan Hilton na pele de Onya Mann com os seus porcos de estimação.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT

-->