Animais

Elefante usada para carregar turistas deita-se pela primeira vez em 80 anos

Avó Somboon passava o dia e a noite em pé, sem direito a descansar. Foi agora resgatada e dormiu deitada pela primeira vez.
Sentou-se e deitou-se pela primeira vez.

Há dias que parece que não paramos e tudo o que queremos é chegar a casa para finalmente descansarmos. Noutros, basta sentarmo-nos num café, restaurante ou esplanada para esticarmos as pernas e ficarmos prontos para mais algumas horas de agitação. Para Avó Somboon, porém, estes momentos nunca chegavam. Todos os dias, a elefante ficava em pé a andar de um lado para o outro com dois, três, quatro ou até cinco turistas nas costas.

Sem possibilidade de descansar, Somboon passou 80 dos seus 87 anos em pé, a ser explorada incansavelmente e a receber o mínimo de comida para conseguir sobreviver. Este ano, porém, tudo mudou quando foi finalmente acolhida pelo Save Elephant Foundadion, um santuário para animais da espécie na cidade de Chiang Mai, Tailândia.

Depois de várias tentativas, Saengduean Lek Chailert, presidente do santuário, e alguns dos seus voluntários conseguiram convencer o responsável a entregá-la em janeiro. Contudo, não foi fácil transportá-la e a gigante só chegou ao novo lar algumas semanas depois. Lá, recebeu um alojamento só seu, com uma “cama” feita de areia. 

“Ao chegarem, muitos elefantes novos, ainda atormentados pela paranóia e pela falta de confiança, levam semanas até se deitarem”, escreveu o santuário. “No entanto, a Avó Somboon desafiou a norma. Exausta da sua jornada e de uma vida inteira de dificuldades, ela procurou o monte de areia preparado só para ela, e dormiu profundamente no meio das atividades agitadas ao seu redor”. 

Pela primeira vez, Somboon deixou-se descansar e não se importou com os barulhos e movimentações nos arredores. Após o primeiro sono profundo desde que foi capturada do próprio habitat ainda jovem para “trabalhar”, a velhota nem conseguia levantar-se e “entrou em pânico”. Mas os tratadores estavam lá para ajudá-la.

“A nossa equipa Mahout e a equipa de cuidados intensivos ajudaram-na rapidamente a recuperar a capacidade de ficar em pé”, partilhou, acrescentando que Somboon está agora a ser monitorizada por uma equipa veterinária 24 horas por dia. A elefante está ainda a receber cuidados para tratar da magreza, falta de dentes e pele extremamente seca.

Carregue na galeria para ver algumas fotografias da nova vida de Avó Somboon.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT