Animais

Gato de mais de 18 quilos é abandonado em abrigo e adotado. “É o maior que já vimos”

O felino foi deixado pelo próprio dono e no mesmo dia, encontrou um novo lar. Já está pronto para iniciar a perda de peso.
Patches tem roubado corações.

Patches tem um coração grande e uma barriga maior ainda. O rechonchudo tem 18.2 quilos e é “o maior gato já visto” pelo Centro de Recolha e Cuidado Animal da cidade de Richmond, no estado norte-americano da Virgínia. A associação existe desde 1902 e até para os funcionários mais antigos, Patches foi uma grande surpresa.

“Quando o conhecemos, sabíamos que era o maior gato que já tínhamos visto”, contou Robin Young, coordenadora de comunicação do espaço, ao canal de notícias WMTV. O patudo foi entregue ao centro de recolha pelo próprio tutor após este “não poder cuidar mais dele”.

“Surpreendentemente, ele não tem problemas de tiróide, diabetes ou qualquer outra condição”, sublinhou. “As suas análises estavam ótimas e ele está pronto para começar o seu processo de perda de peso”, frisou.

Durante a manhã desta quarta-feira, 19 de abril, a associação partilhou um apelo no Facebook para conseguir um lar para o felino. A sua história tornou-se rapidamente viral e em poucas horas, Patches já tinha encontrado um lar. “Recebemos vários e-mails para a sua adoção, até da Califórnia [a mais de 4.400 quilómetros da Virgínia]”, partilhou

O gato já perdeu alguns quilos mas o ideal, segundo Robin, é que pese entre os seis e nove quilos. Ainda assim, a coordenadora considera os números “elevados”. “Embora ele seja adorável, sabemos que não se sente tão confortável”, realçou. “Por isso, gostaríamos de o ver a andar e a divertir-se mais”, acrescentou. Por estar saudável, o patudo já começou a nova dieta e a rotina de exercícios.

Apesar de chamar a atenção, Patches não é o gato mais pesado do mundo. Em 1986, o Guiness World Records elegeu Himmy, de dez anos e de cerca de 21 quilos como o mais gordo do mundo. No entanto, a competição resolveu acabar com a categoria para evitar que os tutores alimentassem os seus animais em excesso apenas para receberem o prémio.

Em fevereiro, Bertha, uma gata de 12 quilos, também deu que falar. A patuda foi abandonada num parque, dentro de um saco de treino, e resgatada pela RSPCA, a maior associação de bem-estar animal do Reino Unido.

Carregue na galeria para conhecer Patches e recordar a história de Bertha.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT