Animais

Há um novo hotel para gatos em Lisboa. E até tem um “ginásio” para os felinos

Fundado por um professor universitário, a ideia é recriar as acomodações de um hotel para humanos, adaptando-as para os animais.
Os preços começam nos 30€.

Eram adorados no antigo Egito e a verdade é que hoje em dia não mudou muita coisa. Os gatos continuam a ser conhecidos pelas suas personalidades únicas e determinação de fazerem as próprias regras, não importa o que o tutor faça ou diga. Afinal, a independência que têm é uma das características que mais conquistam qualquer amante dos animais.

Ainda assim, apesar de se darem bem sozinhos, não significa que também não mereçam ser mimados. Pelo contrário, são animais exigentes e é exatamente disso que tanto gostam — ainda mais quando não lhes faltam opções. Foi a ter isso em mente que Paulo Monteiro, um professor universitário de 50 anos, resolveu avançar com um projeto só para eles.

O Petssionate Boutique Hotel, um novo hotel para gatos, abriu na passada segunda-feira, 20 de fevereiro, no bairro do Restelo, em Lisboa. “Nasceu por uma razão muito simples, quando ia de férias, sempre tinha o drama de onde ia deixar as minhas gatas”, começa por contar à PiT a fundador. “É muito difícil em Lisboa encontrar sítios para as deixar. Por isso, foi uma questão de necessidade”. 

Paulo é tutor de Moon e Tarola, ambas adotadas. A primeira foi resgatada por uma associação e tem “uma série de traumas” e ainda hoje os tutores tentam ajudá-la a superá-los. “Com o passar dos anos, ela já está bastante melhor”, diz.  Já a ideia de adotar a segunda, veio da vontade de dar uma companhia para a Moon. “Foram elas que nos levaram a este projeto, são parcialmente responsáveis por ele”, sublinha.

O amor pelos gatos já vem desde pequeno e apesar de também “gostar muito de cães” e ter crescido com um, o Tobias, um Serra da Estrela, Paulo frisa que o Petssionate tem um outro objetivo. “É exclusivamente para gatos, o nosso foco é centrar-nos neles e no seu bem-estar. Não queremos misturar porque são conceitos e necessidades completamente diferentes e nós queremos estar especializados no atendimento a gatos”, sublinha.

Há um ginásio e uma sala que promove o bem-estar

É pela modernidade e conforto que o Petssionate Boutique Hotel pretende destacar-se. O espaço é dividido por um lobby “reservado para os tutores”, e os restantes metros quadrados são todos para as acomodações dos hóspedes de quatro patas.

“O conceito é recriar um hotel de charme, um boutique hotel que ao invés de ser direcionado para humanos, é para gatos”, explica à PiT o fundador Paulo Monteiro. “Mas obviamente, eles não vêm cá sozinhos, vêm com os seus humanos”, acrescenta, aos risos.

Com um ginásio cheio de “distrações e brincadeiras”, como uma roda de exercício que funciona como uma passadeira, os gatos podem gastar todas as energias do dia a dia. E depois, ficam no “Chillout Lounge”, um espaço que visa promover o bem-estar dos felinos. Neste, vão encontrar objetos que recriam a natureza, como um arranhador em forma de tronco de árvore, e poderão “reequilibrar as energias”.

Já nas acomodações, há cinco disponíveis: traveller, premiere, exclusive, villa e suite. Estas diferem-se entre si pelo número de hóspedes e tipos de camas disponíveis. Além da comum, os patudos podem escolher aquelas que os tutores sabem que ganham a qualquer outra: as malas de viagens, caixas de cartão, almofadas e até camas feitas de madeiras em forma de televisão.

Os valores da diária começam nos 30€, em pacotes como o traveller para até dois gatos e que oferece acomodações de vários níveis, caixas de cartão, almofadas, brinquedos e acesso a todas as áreas do hotel. Podem chegar até os 52€, com o pacote suite que acolhe até três animais e destaca-se pela mala de viagem de grife e pelo circuito CCTV.

Para serem aceites no hotel, os felinos precisam de ter as vacinas em dia, estarem desparasitados e não serem portadores de doenças transmissíveis. “Uma situação importante para nós também é a questão da esterilização e da castração”, refere. ” Vamos estar a viver em comunidade e todos esses pontos são essenciais para nós”.

O fundador acrescenta que apesar de disponibilizar alimentação, aconselha aos tutores para a trazerem de casa. “Os gatos não se adaptam imediatamente a uma alimentação diferente. Embora isso esteja incluído nos valores de uma diária, por uma questão de bem-estar, é sempre aconselhável que o dono traga a ração que dá habitualmente para não haver nenhuma situação inesperada”, sublinha.

Para reservas, pode entrar em contacto através do número 215 863 717, do formulário disponível no site ou fazê-las diretamente online.

Carregue na galeria para conhecer o novo espaço em Lisboa.

ver galeria

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Av. Ilha da Madeira, n° 30 A
    1449-004 Lisboa
  • HORÁRIO
  • Segunda a sexta — 10h30 às 12h e 16h30 às 18h
  • Sábados — 9h30 às 12h (somente para Check In)
  • Domingos — 16h30 às 19h (somente para Check Out)
PREÇO
A pandit dos 30€/dia
TIPO
Hotéis para animais

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT