Animais

Morreu Seven, o cão-estrela de “The Walking Dead”

O Pastor-belga-malinois foi homenageado pelo ator Norman Reedus e outras estrelas da série, como Jeffrey Dean Morgan.
Ao lado de Norman Reedus.

Seven, o Pastor-belga-malinois que interpretou Cão, o patudo de Daryl Dixon (Norman Reedus) em “The Walking Dead” (TWD) morreu na passada sexta-feira, 14 de junho. A notícia foi avançada pela página da aclamada série de zombies do canal “AMC” e que chegou ao fim em novembro de 2022. Vários companheiros de cena já lamentaram a sua morte.

“Descanse em paz, Seven, o melhor menino de TWD”, escreveu a página da série no Instagram. Já Norman Reedus, partilhou uma fotografia ao lado do cão no set de filmagens com a legenda: ”7”. Nos stories, acrescentou: “Vou sentir a tua falta, Seven. És o melhor companheiro de cena de sempre”.

Ainda nas redes sociais, várias outras estrelas enviaram mensagens ao patudo como Jeffrey Dean Morgan, que interpretou o vilão Negan, e Lynn Collins, a eterna Leah Shaw, primeira tutora do canídeo na série.

O Pastor-belga-malinois esteve presente em 26 episódios da produção norte-americana baseada na banda desenhada de Robert Kirkman e publicada pela Image Comics, incluindo o último de todos, que foi para o ar a 20 de novembro de 2022. A sua idade e a causa da morte não foram reveladas.

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by The Walking Dead (@amcthewalkingdead)

A personagem de Seven, batizada de Cão, tornou-se no fiel companheiro de Daryl Dixon após a morte da sua antiga dona, Leah Snow. A sua primeira aparição foi no sétimo episódio da quarta temporada, lançado em novembro de 2018. Na vida real, era várias vezes mencionado por Norman Reedus durante as entrevistas para promover “The Walking Dead”.

“Acho que ele é o membro mais inteligente do elenco. Fizemos uma cena outro dia que acabou por ser o oposto do que deveria ser porque o Seven só queria fazer outra coisa, e saiu muito melhor”, partilhou o ator de 55 anos ao site ComicBook em 2018. “Ele provavelmente vai tornar-se no chefe da série. É ótimo, adoro-o e ele adora-me também”.

A seguir, carregue na galeria para ver recordar alguns momentos do patudo.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT