Animais

O seu cão tenta beber café? Esta marca criou um próprio para ele

Os donos podem optar por cápsulas ou cafés instantâneos. São naturais e feitos com sete tipos diferentes de cogumelos calmantes.
Eles adoram.

Há quem diga que o dia não começa até bebermos um café. A cafeína é para muitos humanos aquele boost de energia essencial para começar bem o dia. E quem vive com animais, provavelmente já apanhou os patudos a rodear a chávena pela manhã, a serem conquistados pelo cheiro a que é impossível resistir. Não é segredo que eles não podem consumi-lo, mas e se não fosse bem assim?

Foi esta a questão que a norte-americana Michele Sykora começou a colocar quando se apercebeu que o seu Labrador, Thai Noodles, era obcecado por “bebidas humanas”. Sempre que alguém deixava um copo ou uma chávena sem supervisão, o patudo aproveitava para dar umas lambidelas. E quando se reformou do trabalho de cão-guia, tinha ainda mais tempo livre para tentar roubar as bebidas da família.

“Por ser tão inteligente, o Thai deveria saber que o café humano não é seguro para os caninos”, aponta a dona no seu site. “Com o tempo, tivemos a ideia de preparar seu próprio ‘café'”. E foi assim que nasceu a Barkista. Durante um ano, a família procurou alternativas para criar um café dog-friendly e quando finalmente atingiu a receita ideal, arrancou com a marca este ano.

A base do café da Barkista é feita com leite de cabra, sete tipos de cogumelos e outros sabores naturais. E o melhor: é também human-friendly (chegou a vez dos tutores roubarem-lhes a bebida). Os ingredientes escolhidos, segunda a fundadora, criam o efeito contrário da cafeína — são calmantes e anti-stress.

A Barkista ainda não está disponível para encomendas em Portugal, mas já está a preparar o seu site para fazer entregues internacionais. Estão disponíveis à venda um pack com três cápsulas K9 que podem ser usadas em máquinas de café compatíveis (5,52€, à taxa de câmbio atual) e os cafés instantâneos divididos em três sabores: pumpkin spice, caramelo e mocha (18,4€).

Michele explica que os benefícios do ‘café’ que criou para os animais são vários: aumenta o sistema imunológico, melhora a saúde intestinal, reduz a inflamação, alivia alergia e promove a hidratação. “Sempre nos certificamos de que os petiscos que damos aos nossos cães estão a contribuir para um estilo de vida saudável”, frisa. “Garantir que o nosso produto seja conveniente e acessível para todos também é muito importante para nós”.

De seguida, carregue na galeria para ver alguns clientes satisfeitos.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT