Animais

Puppy Bowl: o Super Bowl dos cães foi um sucesso — teve até uma “invasão” no relvado

Mais de 130 filhotes de abrigo e associações participaram da edição deste ano. O objetivo é ajudá-los a encontrar famílias.
Foi um sucesso.

Foi com garras e dentes que a Equipa Ruff venceu a Equipa Fluff este domingo, 11 de fevereiro, na partida mais especial do Puppy Bowl até agora. O evento, que celebra este ano o 24.º aniversário, junta filhotes de cães adotáveis para “competir” no mesmo dia que o Super Bowl com o objetivo de os ajudar a encontrar um lar.

O Pastor-australiano Moosh, dos Ruff, foi eleito o ‘Jogador Mais Valioso’ (MVP) após “fazer o impossível” para levar a sua equipa à vitória. Os Ruff ganharam por 72-69 com vários touchdowns feito pelo patudo durante o jogo de três horas. A edição deste ano contou com 131 crias, vindas de 73 abrigos e associações espalhados por 36 estados e territórios norte-americanos. 

“Todos os anos partilhamos a mesma mensagem: adote, não compre”, frisou o ator Dan Schachner, que é também o árbito do Puppy Bowl. Durante cada edição, os animais são divididos em duas equipas e soltos num “estádio” que recria o do Super Bowl, feito pela produção. Ao invés de uma bola de futebol americano, são recebidos com vários brinquedos de peluche. Estes, quando levados até a área de “touchdown”, são usados para contabilizar a pontuação.

O jogo deste ano ficou ainda marcado por uma invasão de um “cão completamente nu” que deixou os jogadores “em choque”. “Não podemos acreditar no que estamos a ver. Um ‘cão sem roupa’ invadiu o estádio do Puppy Bowl”, escreveu o canal Animal Planet, responsável pela transmissão da partida., numa divertida referência à raça Cão de Crista Chinês, que tem a particularidade de ter pelo apenas na cabeça e no rabo.

Além dos jogadores, o evento conta com uma passadeira vermelha que recebe animais de edições passadas. E algumas celebridades de quatro patas são também os protagonistas — este ano, Bark Pitt e Mutt Damon deram que falar após serem “avistados” na plateia.

No seu site, a Animal Planet disponibiliza todas as informações sobre os cães que participam do Puppy Bowl, bem como as dos abrigos onde se encontram. Os interessados podem entrar em contacto de imediato e demonstrar interesse em adotar um dos jogadores de quatro patas que não são os únicos à procura de um lar. Anualmente, o Puppy Bowl promove a adoção de cães adultos e de gatos.

Mais tarde no mesmo dia, os Kansas City conquistaram pela quarta vez o título do 58.º Super Bowl, em Las Vegas. A partida contou com momentos marcantes como Usher a transformar o relvado numa viagem ao tempo e Taylor Swift a rodar o mundo, de Tóquio para os Estados Unidos, só para apoiar o namorado Travis Kelce.

A seguir, carregue na galeria para ver como correu o Puppy Bowl de 2024.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT