Animais

Tutora chega a casa e encontra cão embriagado — bebeu Baileys e meia garrafa de vodka

Jack ficou sozinho e conseguiu abrir as duas garrafas. O vídeo do momento já ultrapassou os 34 milhões de visualizações.
Jack está sempre a meter-se em sarilhos.

Se tem miúdos em casa, é normal manter as garrafas de vinhos, whiskey, gin e outros licores num espaço onde os mais novos não alcancem. Afinal, a curiosidade dos pequenotes não é algo que deve ser subestimada. Para Mary Gatto, uma cidadã norte-americana, embora considere o seu cão Jack como um filho, nunca pensou que teria de esconder as bebidas alcóolicas do patudo. Até recentemente.

Após sair e deixar o mix de Husky sozinho — como qualquer outro tutor está habituado a fazer —, Mary foi surpreendida quando regressou e encontrou o cão totalmente embriagado. Num vídeo partilhado no TikTok no passado domingo, 18 de novembro, e que já conta com 34,5 milhões de visualizações, a mamã humana mostrou o momento insólito que descobriu o que Jack havia feito na sua ausência.

Mary encontrou uma garrafa de Baileys quase vazia na sala de estar e na cozinha, uma de vodka sem mais da metade do seu conteúdo. Já no chão, encontrou as duas tampas mastigadas. “Jack, tente andar, vamos”, diz ao patudo quando vira a câmara em sua direção. A cambalear, o companheiro anda com dificuldade e cai várias vezes ao chão.

Desesperada, a tutora não consegue controlar as gargalhadas. “Isso não é engraçado, mas o meu cão está embriagado e eu não sei o que fazer”, diz enquanto Jack continua a andar pela cozinha.

@mcgat1 I am Jack this holiday szn ***dog was taken to the vet and treated. No animal abuse occurred***#drunk #drunkdog #holiday ♬ original sound – mcgat

Noutro vídeo, partilhado dois dias depois do ocorrido, a dona explicou que entrou em contacto com o Animal Poison Control, uma entidade que ajuda os tutores a lidar com animais envenenados, que a aconselhou levá-lo ao veterinário porque não sabiam “a quantidade que o cão havia consumido”. Jack passou uma noite internado a receber líquidos e na manhã seguinte, às sete horas, Mary foi contactada.

“Disseram-me que ele estava bem, a agir normal e não havia ficado de ressaca”, referiu. “Não fiz isso de propósito, se me conhece na vida real, sabe que este cão é a minha vida. Ele foi resgatado há cinco anos, não tenho filhos, ele é o meu filho. Nada foi feito intencionalmente e o Jack está saudável e bem”.

Esta semana, Mary partilhou vários vídeos do mix de Husky de volta a rotina e parece que nada aconteceu. Jack está com a sua energia inesgotável de volta e adora correr pela casa, bem como uivar quando está ao lado da tutora.

Por outro lado, o cão continuou a meter-se em sarilhos. Nesta terça-feira, 21 de novembro, mastigou dois livros de Harry Potter, de J. K. Rowling quando a tutora não estava em casa. “Desculpe J. K. Rowling, acho que o Jack não gosta dos seus livros tanto quanto como eu”, escreveu. Além disso, aprendeu a fugir da sua transportadora.

Carregue na galeria para conhecer o atrevido Husky.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT