Família

Cadela adotada desdobra-se em correrias e beijos para demonstrar a sua alegria

Há reações comoventes. Como a desta patuda. A sua felicidade e euforia estão a encantar a Internet.
É so amor.

Os cães sentem, com emoções como as dos humanos. Alegria e tristeza, dor e prazer, espanto e tédio. E são leais até ao fim. Acontece que por vezes há famílias que não ficam com eles até ao fim. Nesses casos, regressam aos abrigos e canis e ali ficam — nalguns países, onde os canis são de abate, não ficam por muito tempo se não tiverem a sorte de a vida lhes sorrir novamente.

Há também aqueles que já nascem em associações e canis, não fazendo ideia do que é ter um lar. Tanto aquele que já sabem o que isso é como os que desconhecem essa vivência, a maior ânsia é sair de onde estão. Conhecer o mundo pela mão de alguém que possam amar, com quem ir passear, correr na praia ou simplesmente dormir bem juntinho.

Quando um animal é adotado, a diferença de comportamento é gigantesca. Da noite para o dia. Muitas associações colocam fotos a que chamam de ‘antes’ e ‘depois’ e a diferença no olhar dos adotados é inegável.

Foi isso que aconteceu a uma cadela adotada em Austin, no estado norte-americano do Texas, conta a “Newsweek”. Os novos donos registaram em vídeo a reação da patuda ao desbravar o seu novo lar, e a sua alegria e euforia são comoventes.

O vídeo, publicado a 15 de junho na plataforma online Reddit pela utilizadora carpenoctoon, conta já com 14.200 likes e o número não para de crescer.

Os internautas encantaram-se com a sua correria pelo quintal, com muitos saltos e círculos por entre as plantas e objetos do jardim, como quem diz ‘Meu Deus, isto é tudo meu, humanos incluídos!’ — e os comentários nesse sentido são muitos. “Adoro que ela pare para um beijo de agradecimento. Parabéns pelo novo membro da família” e “Tenho a certeza que ela mal pode esperar para que todos saibam que esse é agora o território dela” são alguns deles.

A sua nova família não conhece a história desta cadelita, cruzada de Labrador e Galgo, nem o seu passado. Mas sabe que tem todo o amor do mundo para lhe dar — e ela também já percebeu isso.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT

-->