Família

Cláudia Vieira recorda dia da morte do cão: partiu “ao meu colo”

A atriz e apresentadora tem muitas saudades de Yoshi, um dos seus Golden Retriever, que morreu em janeiro.
A atriz e Yoshi.

Cláudia Vieira é uma amante de animais. Até ao início deste ano tinha dois Golden Retriever, o Yoshi e a Caya. Mas Yoshi morreu em janeiro, para grande tristeza da atriz e apresentadora, que ainda tem muito viva a recordação do seu amigo de quatro patas.

Em entrevista à TV7Dias, Cláudia Vieira recorda como foi o último ano com Yoshi, que já estava doente. “No último ano de vida dele evitei fazer viagens e houve até questões de trabalho que consegui alterar e adiar, porque não queria que ele partisse sem estar comigo perto”, conta.

“Quando gravei a série A Lista, afastava-me três ou quatro horas de casa. Se eu soubesse que ele estava sozinho em casa, era um drama para mim, porque eu pensava: ‘Se ele se quiser levantar, não vai conseguir. Se ele quiser beber água, não vai conseguir.’ Isso angustiava-me horrores. Se fosse preciso, vinha a casa num intervalo entre cenas. ‘Paniquei’ um bocadinho… Foi realmente um processo muito difícil”, recorda a atriz nesta entrevista.

Em janeiro, quando Yoshi morreu, não partiu sozinho. Cláudia estava junto a ele, como sempre tinha desejado. Foi um momento muito emotivo e triste. “Ele morreu em casa, ao meu colo. A respiração dele começou a alterar-se e eu senti que estava na iminência”, refere a atriz.

E estava mesmo. Nesse dia 20 de Janeiro, Cláudia deixou mais tarde uma emotiva partilha no Instagram: “É com uma profunda tristeza que partilho convosco que o patudo mais incrível do mundo nos deixou. O Yoshi, o Yoshi, o cão da minha vida partiu… fez a diferença nas nossas vidas e na de muitos que se cruzaram com ele… com uma dedicação sem igual, foi mais do que alguma vez eu podia desejar, um verdadeiro companheiro, cúmplice, amigo, inteligente e tão mas tão meigo, de uma entrega ímpar, e que por tantas vezes me deu aquele olhar, aquela lambidela, aquela motivação para viver a vida como deve ser vivida! Com muito amor”.

“A dor deste momento é muita e insuportável. Fica uma certeza fomos muito felizes, tu e nós em te ter. Vais fazer tanta falta meu cabeçudo bom. Minha sombrinha que eu tanto amo”, rematava.

A reação da filha

Nesse mesmo momento da sua partida, deu-se também uma coincidência impressionante, daquelas que não se explicam. “Ironia das ironias, ligaram-me da escola a dizer que a Maria estava muito maldisposta, que tinha vomitado e que não sabiam o que se passava. De imediato, eu disse: ‘Vou já buscá-la’. Ela devia estar ou ligada a mim ou a ele… Nem sei explicar… Mas a verdade é que ele partiu e, em simultâneo, a Maria estava a passar mal. Não sei se foi coincidência… Mas foi um momento tão dramático e angustiante para mim… Quando a fui buscar, disse-lhe e ela desatou num pranto”, diz a atriz à TV7Dias.

Maria, de 12 anos, é filha da atriz e do também ator e apresentador Pedro Teixeira, atual companheiro de Sara Matos. Cláudia tem outra filha, Caetana, com três anos, fruto da sua atual relação com o empresário João Alves, e que também segue as pisadas da família no amor aos animais. Na conta de Instagram de Cláudia Vieira encontram-se fotos da pequena Caetana a dar beijinhos a Caya.

A atriz, que fez 44 anos em junho, começou o percurso profissional na SIC, com a série de humor “Maré Alta”, mas foi na TVI que foi catapultada para a fama, ao participar na série juvenil “Morangos com Açúcar”. Mas em junho de 2008 regressou à SIC, onde tem apresentado programas e integrado elencos de novelas. Atualmente, podemos vê-la na novela “Lua de Mel” e no concurso “Cantor ou Impostor?”

Percorra a galeria para ver algumas fotos de Cláudia Vieira e da sua família humana e canina.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT

-->