Família

Os cães também gostam de ver a procissão passar. E estes têm vista privilegiada

Dois patudos andaluzes tiveram direito a “janelas” na decoração da varanda de casa para não perderem as celebrações pascais.
Boa vista na Andaluzia.

Os cães são animais curiosos. E, por isso mesmo, quando há uma varanda em casa, gostam de espreitar e ver o que se passa na rua. No entanto, na Páscoa, há regiões de Espanha, como a Andaluzia, onde este período é vivido com grande intensidade, levando a que muitos devotos decorem as suas janelas e varandas com tecidos alusivos à época. Nessas alturas, os patudos ficam sem acesso às vistas exteriores – mas nem todos, porque uma família decidiu abrir duas “janelas” no tecido para que os seus cães não perdessem pitada e pudessem também acompanhar as procissões.

Aconteceu em Sanlúcar de Barrameda, um município na província de Cádis –comunidade autónoma da Andaluzia –, e a imagem é uma perdição. Quem passa na rua e vê os dois amiguinhos de quatro patas a espreitar, só com as suas cabeças a assomarem, não resiste a filmar e a fotografar, pelo que as redes sociais estão repletas de imagens dos dois patudos.

Cães que nunca perdem o que se passa lá fora

Um dos municípios da Andaluzia que vive mais intensamente a Semana Santa é precisamente o de Sanlúcar de Barrameda, onde um total de 15 irmandades religiosas – com os seus penitentes envergando capuzes – percorrem este ano as ruas entre 24 e 31 de março. Há várias procissões ao longo de toda a semana, carros alegóricos e estátuas que se transportam pelas ruas. Ou seja, muito para ver – e entreter os animais de companhia mais “cuscos” e que não gostam de perder um acontecimento destes.

Mas a Páscoa é também sinónimo de muitas celebrações à mesa, por isso há que ter os mesmos cuidados que em qualquer outra época festiva – já que muitos alimentos podem fazer muito mal aos quatro patas lá de casa. Percorra a galeria para saber mais sobre os alimentos tóxicos para os seus patudos e que nunca lhes devem ser dados a comer. Seja ou não Páscoa.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT