Família

Taylor Swift anuncia concerto em Portugal — será que traz os gatos consigo?

A cantora norte-americana vai atuar em Lisboa, a 24 de maio de 2024. A pergunta é se Olivia, Meredith e Benjamim vêm na mala.
A venda dos bilhetes acontece a 12 de julho.

Depois de a pandemia deitar por terra a primeira presença de Taylor Swift, 33 anos, em Portugal, que ia atuar no festival Nos Alive, em 2020, a cantora norte-americana volta a anunciar um concerto em Lisboa. Desta vez, os fãs rezam para que o espetáculo “The Eras Tour”, a acontecer no Estádio da Luz, a 24 de maio de 2024, não seja cancelado. E os verdadeiros swifties, nome atribuído aos apoiantes da artista, fazem figas para que ela traga uma presença amada por todos, e que tem uma herança milionária às costas.

Com álbuns a atingir o topo das tabelas, turnés a esgotar e recordes atrás de recordes, Taylor Swift tem uma fortuna avaliada em 400 milhões de euros e prevê-se que poderá tornar-se bilionária com a esta digressão. Mas a artista Pop não é única no seu seio familiar com um porquinho mealheiro: os seus gatos também têm algo bem guardado.

De acordo com o site All About Cats, que avalia os animais com maior número de seguidores, interações, e quanto valem as suas publicações, a gata Olivia Benson é o terceiro pet mais rico do mundo, valendo um total de 85.4 milhões de euros. Em primeiro, está Gunther VI, que tem uma fortuna avaliada em 500 milhões de euros, herdada do bisavô — Gunter III — cuja dona doou toda a riqueza por não ter parentes próximos.

Apesar de Taylor Swift, 33 anos, colocar diversas fotografias com os animais, não é isso que torna Olivia, nome dado em referência à personagem interpretada por Mariska Hargitay na série de televisão “Law & Order” (1990 —), um dos animais mais ricos do mundo. Tal deve-se ao facto de o Scottish Fold ter participado em diversos videoclipes da sua dona, assim como na sua linha de merchandise e em várias campanhas publicitárias.

Quando Olivia chegou à casa da cantora Pop, em 2014, esta já tinha outra gata: Meredith Grey, em referência à personagem de Ellen Pompeo na série “Anatomia de Grey” (2005 —). E Taylor Swift passou por um grande dilema antes de decidir juntar outra Scottish Fold à família: “Falei com amigos antes de ter o segundo gato. Estava a tentar perceber se dois gatos me fariam uma amante de gatos ou se significava apenas que tinha dois gatos”.

“Eles disseram: “Não, três gatos é sinónimo de amante de gatos. Dois é só uma festa”. Quando publicou no Tik Tok o excerto dessa entrevista, dada no mesmo ano em que adotou Olivia, Taylor Swift escreveu: “Mal sabia ela”, referindo-se a si própria. Isto porque, cinco anos depois, a artista adotou mais um gato.

Benjamin Button, batizado em honra da história “O Estranho Caso de Benjamin Button” (2008), foi um dos gatos a participar no vídeoclipe da canção “ME!”, do álbum “Lover”. A cantora que nasceu no estado do Tennessee apaixonou-se imediatamente pelo gatinho, e quis saber a quem pertencia. Quando soube que não tinha dono, decidiu ficar com ele.

Taylor Swift já assumiu que é uma amante de gatos, levando os seus gatos para todo o lado, e tendo participado até no filme que deu vida à peça “Cats”. Além do amor que Meredith, Olivia e Benjamin lhe dão, a cantora tem ainda a sorte de os seus gatos serem muito valiosos.

Carregue na galeria para ver Taylor Swift com os gatos.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT