Família

Taylor Swift é a “Personalidade do Ano” para a Time. Mas o gato é que é a estrela

Benji foi batizado em homenagem ao filme “O Estranho Caso de Benjamin Button”. Não é a primeira vez que posa ao lado da dona.
O felino é um verdadeiro modelo.

Podia ser uma grande surpresa, mas já era o esperado. Com uma tour que a tornou milionária, álbuns a atingirem o topo das tabelas, um novo filme que  ultrapassou os 180 milhões de euros nas bilheteiras internacionais, e recordes atrás de recordes, Taylor Swift é um dos nomes mais falados nos últimos tempos. E nada mais justo do que ser celebrada como tal — foi agora eleita a “Personalidade do Ano” pela revista “Time”.

Ao lado do gato Benjamin Button, o seu Ragdoll e o mais novo da família de quatro patas, a cantora pop posou para a capa da revista norte-americana que todos os anos escolhe a figura pública mais marcante dos últimos 12 meses. Desde 2017, altura em que lançou o seu álbum “Reputation” logo depois de perder os direitos autorais de seus seis primeiros projetos para a sua antiga editora, Big Machine Records, a artista não deu qualquer entrevista. Até agora.

A paixão que tem pela música só não é maior do que a que tem pelos gatos. Desde miúda, é ao lado deles e dos vários instrumentos que toca que Taylor se sente mais feliz. E a primeira reação que a artista teve desde o lançamento da capa da “Time” na tarde desta quarta-feira, 6 dezembro, foi sobre o peludo que carrega nos braços.

“Time Magazine: Gostaríamos de a nomear como a Personalidade do A… Eu: Posso levar o meu gato?”, escreveu no X (antigo Twitter). Por outro lado, não é a primeira vez que Benji, como é conhecido entre os mais íntimos, brilha ao lado da tutora. Em 2019, quando Swift lançou o videoclipe da canção “ME!”, do álbum “Lover”, o felino foi um dos protagonistas.

Embora seja o gato mais falado nas redes sociais neste momento, Benji pode não ser considerado o gato do ano. Este título provavelmente pertence à “mana”, que foi recentemente o tema de vários jornais e revistas por ser considerada o terceiro animal mais rico do mundo. Olivia Benson, que honra a personagem de Mariska Hargitay em “Lei e Ordem: Unidade Especial”, vale um total de 85.4 milhões de euros. Mas agora, com toda a fama, quem sabe Benji não se junta à lista…

Ao lado da dupla, Taylor tem ainda a primogénita, Meredith Grey, em referência à personagem de Ellen Pompeo na série “Anatomia de Grey” (2005 —). Antes de juntar mais animais à família, a cantora confessou que passou por um grande dilema. “Falei com amigos antes de ter o segundo gato. Estava a tentar perceber se dois gatos me fariam uma amante de gatos ou se significava apenas que tinha dois gatos”, contou. “Eles disseram: ‘Não, três gatos é sinónimo de amante de gatos. Dois é só uma festa'”.

Quando publicou no Tik Tok o excerto dessa entrevista, dada no mesmo ano em que adotou Olivia (2014), Swift escreveu: “Mal sabia ela”, referindo-se a si própria. Isto porque, cinco anos depois, deu as boas vindas a Benji.

O primeiro encontro

Nas declarações à revista “Time”, recordou todas as suas conquistas e não deixou de referir Travis Kelce, o novo namorado e jogador da equipa “Chiefs”, de futebol americano. Desde que tornaram a relação oficial, o casal foi visto várias vezes a apoiar um ao outro (ela, nos jogos do companheiro e ele, nos seus concertos).

“Tudo começou quando o Travis me mencionou de uma maneira muito adorável no seu podcast. Começámos a sair logo depois disso. Passámos um tempo significativo juntos antes que o público descobrisse [a relação] e pelo qual sou grata, porque conseguimos conhecer-nos”, partilhou. “Quando fui ao seu primeiro jogo, já éramos um casal. Acho que algumas pessoas pensam que viram o nosso primeiro encontro naquela partida. Nunca seríamos psicóticos o suficiente para fazer isso”.

A artista também referiu o momento que tem vivido nos últimos anos, desde o drama com a antiga produtora e também com o cantor Kanye West e a socialite Kim Kardashian, que inspirou o seu álbum “Reputation”. O rapper interrompeu o discurso da cantora norte-americana durante o VMA’s, a gala de prémios de música, e ao lado de Kim Kardashian, gravou e partilhou, ilegalmente, uma das suas conversas telefónicas. Posteriormente, também usou um manequim nu, com a cara de Swift, num dos seus viodeoclipes.

“Subi e desci no mastro da opinião pública muitas vezes nos últimos 20 anos”, afirmou. “Ganhei uma coroa e depois, perdia-a. Agora, parece ser o momento decisivo da minha carreira, a acontecer aos 33 anos. Pela primeira vez na minha vida, fui mentalmente forte o suficiente para aguentar o que vem com isso”.

A seguir, carregue na galeria para ver as várias fotografias da cantora, que atua em 2024 em Portugal, ao lado dos seus animais.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT