Família

Um cão bebé a dormir numa aula de ioga? Este é o vídeo mais fofo que verá hoje

Há cada vez mais centros de ioga em todo o mundo que permitem esta prática com a companhia de patudos.
Ioga de ternura.

A prática de ioga está disseminada um pouco por todo o mundo – e cada vez com mais adeptos. Mas há quem eleve a fasquia a todo um outro nível, ao integrar nestes exercícios o patudo lá de casa. E não só dentro de portas, já que existem cada vez mais sessões coletivas – mesmo a pensar nos nossos companheiros de quatro patas. Não raras vezes, todos param para contemplar os momentos de pura ternura que daí resultam. Foi o que aconteceu numa aula em Ottawa, no Canadá.

“Esperem para ver. PuppyYoga em Ottawa”. É esta a legenda de um vídeo viral no Instagram que está a encantar milhares de seguidores do centro PuppyYoga, que funciona em várias cidades dos Estados Unidos e do Canadá. No vídeo é possível ver um cão bebé, deitado de barriga para cima, a dormir a sono solto em cima da barriga de uma frequentadora daquele centro de ioga. A língua a bater no céu da boca, num sono profundo, é imperdível.

Neste caso, os cães que estão no centro de ioga não pertencem a quem está a fazer as aulas. Entre os muitos comentários, há quem goste mas também quem mostre o seu desagrado, perante a preocupação de haver abuso em relação a estes bebezolas – como já aconteceu em Itália. No entanto, o website deste centro de ioga tira todas as dúvidas: “estas são aulas de ioga básico, com cães bebés, para que estes aprendam a sociabilizar consigo enquanto pratica os exercícios.

“Nós levamos os cães, não podem trazer os vossos”, explica o centro, sublinhando que são patudos bebés que têm desta forma uma oportunidade de aprender a sociabilizar antes de serem adotados e irem para as suas famílias definitivas. “Todos os puppies são saudáveis, com verificação veterinária e prontos a levarem muitas festinhas”.

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por Puppy Yoga (@puppyyoga)

Doga – quando o seu cão entra nas sessões de ioga

O objetivo do ioga é trabalhar o corpo e a mente de forma interligada, combatendo o stress e a ansiedade, melhorando a postura e promovendo a sensação de bem-estar. E com um patudo junto a nós, melhor ainda. Este conceito tem vindo a ganhar popularidade e até tem uma designação: doga. Doga é a junção, em inglês, das palavras dog e yoga — e a prática foi criada em 2012 pela instrutora de ioga sueca Mahny Djahanguiri.

Os benefícios de se fazer ioga com cães são muitos, tanto para os praticantes humanos como para os animais, já que promovem o relaxamento e reforçam os laços entre ambos (quando se trata de um patudo da família). No entanto, nem todos sabem por onde começar. Mas, para isso, basta aprender com Magnus – um Labrador nova-iorquino que faz ioga com os seus tutores e que é uma estrela do Instagram.

Em Portugal, o exercício já se tornou um sucesso em várias cidades, como Lisboa, Braga e Porto. Ao contrário do que acontece em alguns países que recorrem ao uso de cães de raça “emprestados” por criadores, as sessões portuguesas têm sido organizadas em parceria com associações de resgate animal para promoverem a adoção. O Puppy Yoga Lisboa e o Puppyology (de pilates) são dois dos projetos que têm encantado os portugueses. Percorra a galeria para ver algumas sessões que já aconteceram por cá.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA PiT